Tudo sobre imagens 360°: como criar, compartilhar e usar a realidade virtual

As imagens 360 fazem sucesso no Facebook, pois geram maior interação das pessoas com o conteúdo 360 publicado. Entretanto, há muitas dúvidas e curiosidades sobre o como gerar essas imagens 360. Neste artigo você verá que não é difícil, não há mágica e mais: há ferramentas que fazem o trabalho pesado por nós.


Acompanho o trabalho de profissionais que atuam com conteúdo em 360 graus: imagens e vídeos. São fotógrafos, arquitetos, designers de interiores, empresas de móveis planejados, construtoras, imobiliárias, corretores de imóveis… Muitos segmentos de mercado estão percebendo as vantagens de utilizar o recurso da visualização em 360.

É possível utilizar câmeras e equipamentos para a captação de fotografias e vídeos em 360 graus. Há também softwares de modelagem 3D que permitem renderizar imagens e animações em 360 graus.

Os conteúdos em 360 graus podem ser captados em locais abertos, ambientes fechados, em alto mar, mergulhando em rios, captados com drones e de muitas outras maneiras. Também é possível criar esses conteúdos a partir de softwares de modelagem 3D, como 3DS Max, Revit, Lumion, Sketchup e Promob.

Crie Tours Virtuais 360° na maior plataforma SaaS de Realidade Virtual

Introdução ao conteúdo 360°

Todos os conteúdos 360, sejam eles imagens ou vídeos, possuem um grande potencial comercial, de marketing e educacional. Diante disso, não podemos nos limitar a pensar neles apenas como conteúdo para uso em redes sociais. Eles são fundamenteis para o uso da Realidade Virtual.

As imagens 360 e os vídeos 360 são tipos de conteúdo imersivo. São os formatos mais simples e práticos de serem gerados e utilizados. Podem ser visualizados sem o uso dos óculos de realidade virtual, mas, são muito mais impactantes quando visualizados de forma imersiva.

A Realidade Virtual é composta por 3 (três) pilares e o conteúdo imersivo é o primeiro deles. Se você está buscando informações para começar a utilizar a Realidade Virtual, é importante conhecer todos os pilares e entender como eles funcionam entre si.

Entenda os 3 (três) pilares da Realidade Virtual

Imagens 360 geradas em softwares de modelagem 3D

Os softwares de modelagem 3D permitem a geração de imagens 360 graus. Esse processo de geração é conhecido como renderização. E, para que ocorra a renderização, os softwares de modelagem precisam do auxilio de plugins, conhecidos como renderizadores. Alguns deles são o V-Ray, Corona, Mental Ray, Thea, Kerkythea e outros.

O processo de renderização é muito utilizado nas área de arquitetura, principalmente para gerar imagens realísticas de projetos (de construção ou decoração de ambientes). Profissionais como engenheiros, arquitetos, designers de interiores, decoradores, projetistas de móveis planejados e paisagistas estão familiarizados com esse processo.

Outro mercado que atua muito com a renderização de imagens 3D é o imobiliário. Eles contratam estúdios 3D especializados para criar imagens dos empreendimentos em fase de lançamento. Essas imagens ajudam as construtoras a vender os imóveis ainda na planta, sejam eles residenciais ou comerciais.

Todos esses mercados já atuam com a renderização de imagens a partir de projetos 3D e conhecem esse processo. O único detalhe nesse processo, é a necessidade de ajustar as configurações de câmera do plugin renderizador para gerar a imagem final em 360 graus. Logo abaixo seguem alguns tutoriais de como fazer essa configuração.

Pilares da Realidade Virtual - 1° Pilar: Conteúdo Imersivo

Gerando imagens 360 com o Sketchup

Existem vários plugins de renderização para o Sketchup. Alguns deles são gratuitos e outros são pagos. O mais conhecido é o V-Ray. No Youtube há muitos vídeos tutoriais mostrando como realizar as configurações para a renderização das imagens 360. Selecionei alguns deles para que você possa ver aqui mesmo no artigo.

Este primeiro vídeo está bem didático, com instruções simples e repassadas em detalhes. É possível ver, de forma clara, os passos que precisam ser executados para realizar as configurações necessárias.

Este primeiro tutorial mostra a geração da imagem 360 com resolução de 5376X2688 (o Facebook suporta até 6000X3000). É importante dizer que, independente da resolução utilizada, a imagem 360 precisa ter uma proporção 2:1 (onde a largura é exatamente o dobro da altura).

Ainda sobre este primeiro tutorial, foi utilizado uma solução online chamada theXifer. O que essa ferramenta faz é configurar algumas propriedades no arquivo da imagem 360. Essas configurações são chamadas de Metadados. Também é possível utilizar o MeuPasseioVirtual.ToolsVR pra realizar essa configuração.

Alguns sistemas visualizadores de imagens 360 precisam ler os Metadados para identificar a imagem 360. Após essa identificação é feita a visualização da imagem 360 de forma interativa (assim como o Facebook). O Sketchup não faz a configuração dos Metadados, por isso, é preciso configurar eles manualmente através de uma ferramenta como o MeuPasseioVirtual.ToolsVR.

Imagens 360 graus para o Facebook: Saiba como fazer

Este segundo vídeo é um pouco mais objetivo. Não há nenhuma narração explicativa, entretanto, visualmente ele é muito didático. Ele ainda vai além e mostra algumas possibilidades de edição e pós-produção da imagem 360 através do Photoshop.

Gerando imagens 360 com o 3D Studio Max

O 3DS Max é um dos principais softwares de modelagem 3D, muito utilizado por estúdios 3D e profissionais de design gráfico. Há também uma quantidade considerável de escritórios e profissionais de arquitetura que usam o 3DS Max como ferramenta de criação e renderização de imagens 3D.

Assim como existem plugins de renderização para o Sketchup, também existem plugins para o 3D Studio Max. Este é um dos tutoriais que encontrei em uma busca pelo Youtube. Ele mostrar como criar as renderizações em 360 graus utilizando o V-Ray.

Gerando imagens 360 com o Promob

Outra ferramenta muito utilizada na criação de projetos é o Promob. O Promob é um dos principais softwares de modelagem 3D, principalmente entre as empresas de móveis planejados. Ele possui renderizadores próprios e, para a geração das imagens 360, é utilizado o Real Scene.

Selecionei alguns vídeos tutoriais que mostram como é simples e fácil a renderização das imagens 360 usando o Promob e o Real Scene.

Esses foram alguns vídeos que mostram a renderização em 360 a partir do Promob. Outros vídeos tutoriais estão disponíveis no Youtube, você pode pesquisar por “imagens 360 Promob”.

apresentacoes-360-arquitetura-mercado-imobiliario-moveis-planejados.png

Capturando fotografias em 360 graus

As fotografias em 360 graus podem ser captadas de 2 (duas) formas: através de uma técnica ou utilizando uma câmera 360. A primeira é utilizada por profissionais de fotografia e a segunda permite que qualquer pessoa possa captar fotografias 360.

Técnica profissional de captura

Existe uma técnica que é utilizada para a captura de fotografias 360. Essa técnica exige o uso de uma câmera DSLR e alguns equipamentos acessórios (uma lente Fisheye e um cabeçote rotor nodal ninja). Esse método é utilizado principalmente por profissionais de fotografia e o resultado final é de ótima qualidade.

O Chan é um grande profissional em fotografia 360, conhecido em todo o Brasil. Neste vídeo, ele mostra o equipamento utilizado e como a técnica é aplicada na captação das fotos 360. Esse é o canal dele no Youtube: Chan360.

Como usar as câmeras fotográficas 360

As câmeras 360 facilitam o trabalho de geração das fotografias 360. Elas são uma excelente alternativa ao processo de captura. Ao invés de utilizar uma técnica, é possível obter uma fotografia 360 com apenas um clique. Neste outro artigo falo um pouco sobre algumas câmeras disponíveis no mercado.

Os recursos das câmeras 360 são acessados a partir de um aplicativo (cada câmera possui o seu próprio aplicativo). E é a partir do aplicativo que ocorre o “disparo” da captação da fotografia. Em outras palavras, a captura da fotografia é feita a partir do aplicativo.

Ao serem capturadas, as fotografias 360 ficam salvas no armazenamento próprio da câmera. Também podem ser transferidas para a memória do smartphone, salvando as fotografias na “galeria” ou “rolo de câmera”.

Lembra das configurações dos Metadados que comentei acima? A câmera Ricoh Theta S (assim como outras câmeras 360) já realiza a configuração dessas informações no momento da captura da fotografia 360. Assim, elas já ficam prontas para postagem no Facebook.

Tour Virtual 360 para imóveis: a revolução do marketing imobiliário

MeuPasseioVirtual: O aplicativo de realidade virtual

Uma das formas mais interessantes de utilizar as imagens 360 é através da Realidade Virtual. Ela é uma tecnologia que permite levar às pessoas a sensação de presença em ambientes virtuais. Essa sensação é conhecida como experiência de imersão. Para criar a experiência de imersão é preciso unir 3 (três) itens: (1) conteúdo imersivo, (2) aplicativo ou software de realidade virtual e (3) óculos de realidade virtual.

Plataformas como o MeuPasseioVirtual permitem mudar a forma de ver e apresentar as imagens 360 graus. Além da versão web, onde são criados Tours Virtuais 360, existem também as versões para smartphones AndroidiPhone. Nessa apresentação organizada das imagens 360, a integração entre as imagens 360 ocorre de forma semelhante ao Google Street View.

Plataformas como o MeuPasseioVirtual são ótimas alternativas para o uso profissional da Realidade Virtual em vários mercados: (i) apresentação de projetos de arquitetura, design de interiores e de decoração, (ii) criação de visitas virtuais em imóveis à venda ou locação (novos ou usados), (iii) mostrar pontos turísticos de pacote de viagens, (iv) apresentar o interior de automóveis a potenciais compradores e muitos outros.

Os óculos de realidade virtual

Os óculos de realidade virtual são utilizados para “transportar” as pessoas para dentro do ambiente virtual. Existem vários modelos de óculos no mercado e alguns deles dependem da conexão com computadores. Outros modelos funcionam integrados a smartphones. E ainda, há aqueles que são totalmente independentes. Cada um deles transmite diferentes níveis de imersão virtual.

Tudo sobre os melhores óculos de realidade virtual

Leituras complementares

Esses são alguns outros artigos com conteúdo que complementam e corroboram as informações abordas aqui. São informações adicionais sobre os conteúdos 360, aplicativos, óculos e os valores de investimento na Realidade Virtual.

Quanto custa investir em Realidade Virtual (VR) - Parte 1/2

Entenda os 3 (três) pilares da Realidade Virtual

Vou ficando por aqui. Espero ter contribuído com mais essas informações!

Até o próximo artigo!

Abraços!

Maicon Klug
contato@imersiovr.com

7 comentários sobre “Tudo sobre imagens 360°: como criar, compartilhar e usar a realidade virtual

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.